sábado, 7 de janeiro de 2012

Madrugada em um ato.

Cena 1.
Cenário de casa velha. Vasos com plantas secas e malcuidadas. Grupo de pessoas que acabou de se conhecer. Todos inebriados da madrugada.

Plínio: - E você? (vira-se de frente pra moça ao lado). Caladinha aí... Pode ‘omitir’ sua opinião a ‘despeito’?
Magda (olhar desconfiado e confuso seguido de um meio sorriso): - Err... Se bem que ‘omitir’ a ‘despeito’... (olha diretamente para Plínio. Balança a cabeça impacientemente). Esquece.Bem. Olha, acho que é uma situação de forças opostas, porém de igual poder; a decisão tomada é relevante no quadro atual, pois se trata da visão de consciência que se tem daqueles que decidiram. Sendo assim, não acredito que haja muito o que mudar, já que certos valores estão incrustados. Percebo que tudo o que se prega é utópico.
Plínio (de sobrancelha erguida) – Também concordo. É ‘um tópico’. E tem que discutir a ‘despeito’. (sorve um gole de bebida)
Entra o professor Pasquale e dá um tiro em Plínio. Fecham-se as cortinas. Fim de cena.

Baseado em fatos reais. Tirando a parte do... Não... Err... Esquece.

2 comentários:

Jonas Rocha disse...

Oi Nai Ara,
Visito com freqüência o “quarto verde”. A experiência é sempre encantadora, chego a ficar embriagado e seduzido pela poesia de seus escritos. Sempre entro “sem bater”, sempre a procura de escritos perdidos “em cadernos e listas”. Talvez eu entre somente para xeretar “a vida alheia” tentando descobrir segredos, ou uma caixa deles. Não tem hora,não tem dia. Pode ser ao despertar de uma noite longa, durante uma tarde preguiçosa ou até mesmo depois de uma “noite mal dormida”.
Mas deixando de lado minhas “rabugices”, e antes que eu saia do quarto, tenho de dizer a que venho hoje.
Hoje quero lhe fazer um convite e ficaria muito feliz se você aceitasse. A idéia seria que você continuasse um texto meu. Algo meio oficina de resposta, ou coisa do tipo.
E ai topa? Quer pensar sobre? Quer falar sobre o assunto? Faça contato comigo por favor pelo email: lapsuscalame@gmail.com. Conheça também o blog que alimento em meus bissextos devaneios literários: http://lapsuscalame.blogspot.com/
Vou aguardar ansioso por sua resposta.
Parabéns pelo seu trabalho.
Abraços.

Bruna disse...

Aff... eu tinha abstraído a parte do "omitido" e "despeito". Morri!